Primeiramente, o Currículo Simples é o mais utilizado para se conseguir um emprego, principalmente devido a sua simplicidade.

Pois, quanto mais acertar em sua elaboração, maiores são as chances de conquistar o recrutador. Então, veja como caprichar neste tipo de apresentação.

Publicidade

Os iniciantes e até mesmo os profissionais experientes estão em busca de oportunidades de trabalho e todos precisam saber fazer um currículo interessante.

Publicidade

Um dos formatos mais conhecidos é do Currículo Simples, pois mesmo listando poucas informações, têm eficácia para chamar atenção. Saiba mais!

Faça seu Currículo Jovem Aprendiz 2021!

O Currículo Simples

currículo simples

O currículo simples é entendido como aquele no qual resume as experiências profissionais, formação acadêmica e dados pessoais. Neste formato, datas e detalhes das atribuições nem sempre são descritos. Conforme sua denominação, a simplicidade é sua característica principal, e se destina a recrutadores mais práticos, sem ter perca tempo com descrições enfadonhas. Contudo, o Currículo Simples se estrutura de mais 2 fatores, sendo um deles utilizar as informações verídicas, pois é necessário entender que toda experiência mencionada, pode ser contestada.

Então, mesmo sendo uma apresentação curta, nenhum dado deve ser falso. Outro fator é a objetividade, é necessário separar cargos e qualificações ligadas a vaga disputada. Não precisa fazer um histórico profissional, separe apenas o relevante para seleção. Portanto, utilizando a tríade simplicidade, verdade e objetividade você elabora um bom Currículo Simples.

Como montar o seu?

Basicamente você pode criar seções de modo a distribuir seus dados. A estrutura padrão do Currículo Simples respeita a seguinte ordem:

  • Cabeçalho com Dados Pessoais;
  • Espaço a fim de descrever o Objetivo;
  • Habilidades, conhecimentos e suas características marcantes;
  • Escolaridade ou Formação Acadêmica;
  • Experiência profissional;
  • Cursos e outras capacitações.

Sempre preze pelo uso correto do português, revise bem antes de enviar ao recrutador. Contudo, existem algumas coisas nas quais devem ou nunca devem constar no Currículo Simples, veja nos próximos tópicos.

Quais informações o Currículo Simples deve ter?

Primeiramente, em cada uma dessas divisões mencionadas anteriormente existem informações nas quais de nenhum modo podem faltar. Seguindo a lista apresentada, veja a lista de dados pessoais essenciais onde jamais podem faltar no seu currículo simples:

  • Nome completo
  • Endereço atualizado
  • E-mail e número de telefone (lembre-se de informar contatos que tenha acesso)

Contudo, existem também as características pessoais. Sendo assim, essas também não devem faltar no currículo simples. Descreva um pouco sobre seus hábitos, liste as suas habilidades importantes e fale um pouco a respeito de suas perspectivas de futuro. Outro dado fundamental no qual se deve sempre inserir é a escolaridade. Sendo assim, caso ainda esteja estudando, seja ensino médio ou graduação, procure sempre informar os seus horários de aula. Portanto, informe o nome da instituição e o seu nível educacional (Fundamental, Médio, Superior, Pós-Graduação).

Sendo assim, caso tenha alguma experiência profissional relevante ao cargo, informe o nome da empresa, o cargo ocupado e o tempo de trabalho (mês e ano). Sendo assim, deve-se informar os cursos e outras qualificações, informando o nome da instituição, tipo de curso (livre, aperfeiçoamento, etc.). Mas, caso informe um curso de Idioma, especifique o nível de competência com a língua (básico, intermediário ou avançado). Sua principal tarefa será condensar o máximo tais informações. Mas, vale reforçar que no Currículo Simples não é necessário apresentar todas as suas experiências, somente aqueles nas quais se aproveitaram no novo trabalho. Por outro lado, se é estudante e nunca trabalhou, foque nas suas qualidades e nas atividades extracurriculares. É uma boa maneira de se apresentar para conseguir o primeiro emprego.

Quais informações jamais devo colocar no currículo simples?

Contudo, existem dados indispensáveis, existem outros dados onde não podem ser colocados no Currículo Simples, tais como:

  • Números de documento: jamais informe CPF, RG, etc;
  • Curriculum Vitae: esta expressão não é mais usada;
  • Clichês: evite frases como “sou perfeccionista”, “quero somar”… a ideia é se diferenciar, falar quem realmente você é ou deseja;
  • Tempo do contrato de trabalho: evite listar experiências profissionais rápidas, de poucos meses, por exemplo. Isso indica pouca solidez. O intervalo entre empregos também pode pesar na avaliação;
  • Sem erros no nome da escola: escreva certo o nome das instituições presentes na sua formação acadêmica. Porém, não precisa detalhar a grade curricular;
  • Nunca exagere na lista de cursos: só informe qualificações nas quais se encaixam no tipo de vaga disputada.

Dessa forma, o Currículo Simples preza pela coerência e coesão. Lembre-se, o recrutador vai ler rapidamente e precisa ser atraído por algo interessante. Outro ponto é que jamais se deve enviar esses dados para concorrer a diferentes vagas na empresa. Certamente perderá pontos com o setor de seleção. Decerto, é a idoneidade das informações o principal aspecto a ser avaliado, por isso nunca se deve aumentar (mentir). Por fim, revise tudo do seu Currículo Simples a fim de chegar ao recrutador sem erros, e aumentar suas chances de conseguir o novo trabalho.

Portanto, encontrou aquela vaga tão desejada no LinkedIn? Faça agora mesmo o seu Currículo Simples e garanta a sua vaga! Gostou do nosso artigo? Compartilhe nosso artigo com seus amigos e colegas! Continue acompanhando nosso blog e descubra as melhores dicas!

Publicidade

Como preencher um Currículo Cronológico?